Sou

A minha foto
Portalegre, Portugal
"Sonho que sou alguém cá neste mundo... Aquela de saber vasto e profundo, Aos pés de quem a Terra anda curvada! E quando mais no céu eu vou sonhando, E quanto mais no alto ando voando, Acordo do meu sonho...E não sou nada!..." Florbela Espanca

segunda-feira, 28 de março de 2016

Amor...





Da janela vejo a lua
Da janela vejo o mar.
Da janela vejo o mundo
Vejo a vida a passar.

Na janela tenho rosas
Tenho cravos e jasmins.
Tenho o perfume das flores
Tenho as cores dos jardins.

Na janela pousam aves
Borboletas multicores.
Segredos, mentiras, verdades
Na janela espero amores.

Que seria de uma casa
Que janelas não tivesse?
Que seria de uma vida
Que amor não sentisse?

Por isso abro os braços à vida
Abro as janelas de par em par.
E o sol e o amor, de mansinho
Meu coração vêm beijar.

E esse beijo dado assim
De inefável maneira
Faz nascer em mim
A emoção mais verdadeira.

Amor, amor, amor.





4 comentários:

  1. Lindo e bem rimado como eu gosto. Só mesmo o amor faz destas coisas. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  2. Abençoadas suas janelas querida Sandra... Boa noite linda, voltando aos poucos com o Solidão de Alma...Beijoss

    ResponderEliminar

"A poesia é o sentimento que sobra ao coração e sai pela mão."
(Carmen Conde)