Sou

A minha foto
Portalegre, Portugal
"Sonho que sou alguém cá neste mundo... Aquela de saber vasto e profundo, Aos pés de quem a Terra anda curvada! E quando mais no céu eu vou sonhando, E quanto mais no alto ando voando, Acordo do meu sonho...E não sou nada!..." Florbela Espanca

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Faz de conta...





Faz de conta que sou
Faz de conta que és
Faz de conta que somos.
Faz de conta que o sorriso é vida
Que a caminhada não é dura e solitária
Que é florido o jardim que pisas.

Faz de conta que o mundo é Mundo
E não a bola de mentira que gira
E se agiganta como Adamastor em alto mar.
Faz de conta que sou
Faz de conta que és
Faz de conta que somos.
Nesta feira das vaidades
Neste circo de falsidade
Onde o que conta é parecer, fingir ter e mostrar
Onde pouco importa o ser, o sentir, o dar.
Faz de conta.
Faz de conta.
Faz de conta...


 Sandra Subtil



3 comentários:

"A poesia é o sentimento que sobra ao coração e sai pela mão."
(Carmen Conde)