Sou

A minha foto
Portalegre, Portugal
"Sonho que sou alguém cá neste mundo... Aquela de saber vasto e profundo, Aos pés de quem a Terra anda curvada! E quando mais no céu eu vou sonhando, E quanto mais no alto ando voando, Acordo do meu sonho...E não sou nada!..." Florbela Espanca

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Palavra...




Foto retirada da net



Palavra mãe, palavra amiga
Procuro por ti em turbilhão.
Palavra crua, renascida
Nota solta de uma canção.




Em cada recanto, silêncio de mim
Nas folhas dos trevos orvalhados
Procuro a doçura marfim
Dos teus significantes e significados.



Quero em ti adormecer os meus medos
Embalar lágrimas e dores
Dar alimento aos sonhos
Reinventar cores e sabores.


Em que rio tu naufragas?
Em que bocas morrreste?
De que ventre foste arrancada?
Em que peito renasceste?





Para quem me lê uma palavra: OBRIGADA





28 comentários:

  1. A palavra, as palavras, as tuas palavras, sempre`nos tocam a pele... que bom ler-te!

    beijinho
    cvb

    ResponderEliminar
  2. E daqui, outra palavra! Parabéns! beijos,lindo fim de semana e ótimo OUTONO por aí!chica

    ResponderEliminar
  3. Palavra, eis a palavra, dádiva necessária. Um abraço Tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. Em que rio tu naufragas?
    Todos os rios secaram
    Em que bocas morrreste?
    Todas as bocas se encerraram?
    De que ventre foste arrancada?
    Os ventres há muito que não dão nada
    Em que peito renasceste?
    Peito? Só da alma, renascerá a palavra
    E, então, sim
    Correrão os rios
    As bocas sorrirão
    Os ventres serão férteis
    E as almas
    cantarão hinos de belas palavras



    ResponderEliminar
  5. Minha querida

    As tuas palavras são um hino à poesia...vestes na pele o mais belo poema...sempre um prazer imenso ler-te.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  6. Uma das principais matéria-prima da poesia.

    ResponderEliminar
  7. Mãe, é a palavra de todas as palavras.
    Magnífico poema, como sempre. Gostei muito.
    Sandra, querida amiga, tem um bom fim de semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  8. Ah, a palavra que voa
    Na rima louca e errante
    É a mesma que foge à-toa
    Do poeta recalcitrante
    Para aparecer, fagueira,
    Leve, solta, feiticeira,
    No pregão de um ambulante!


    É... mas elas sempre voltam para quem as ama...
    Beijos.

    ResponderEliminar
  9. .



    Sandra, será que tu
    sabias que a traição,
    a mentira e a vergonha
    não fazem o menor sentido
    se o amor dita ordens ao
    coração?

    Eu tenho mais detalhes
    na minha página.

    Um beijo,

    silvioafonso








    .

    ResponderEliminar
  10. Lindo poema Sandra...lindas palavras cheias de ternura, como tu!! Um enorme beijo amiga e até. Boa semana.

    ResponderEliminar
  11. Gostei das tuas PALAVRAS.
    E fiquei...

    ResponderEliminar
  12. as tuas palavras, tornam-se nossas
    e gostamos sempre de te ler
    obrigada por criares novas palavras

    beijinho

    ResponderEliminar
  13. Linda nas palavras !!!!
    Linda nos sentidos!!!!!
    Linda na forma de poetar!!!!
    Linda você...
    bjssssssssssssssssss

    ResponderEliminar
  14. Olá Sandra querida


    E suas palavras sempre tão lindas.

    Beijos e boa semana.
    Ani

    ResponderEliminar
  15. Sandra, nunca falta sensibilidade em seus escritos. Suas palavras têm melodia e me encantam demais. Dois comentários feitos aqui o demonstram, de forma belíssima, o do Rogéio e o do Barcellos. Aplaudo os três. Grande beijo!

    ResponderEliminar
  16. O meu obrigada pelas tuas palavras que são lindas, se uma sensibilidade sem tamanho.
    Boa semana querida.

    estou um pouco afastada passomuitas horas no hospitala fazer companhia à minha mãe que sofreu um AVC muitoprofundo.

    beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  17. Sandra querida, tua sensibilidade é algo ímpar.
    Palavra é uma poesia gostosa de se ler, tem cadência, sentimento e um cadinho de você.
    Parabéns!
    Meu carinho, sempre.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  18. Temos tanta impaciência que
    tentamos dar uma mãozinha para Deus e neste momento
    acabamos é atrasando ainda mais.Deus tem o motivo
    certo na hora certa para cuidar de nós e nos entregar
    aquilo que necessitamos.
    Ele não nos da tudo que queremos mas sim tudo que
    necessitamos a cada dia.
    Viver cada dia é um desafio e tanto para nós que estamos
    sempre querendo tudo tão depressa,
    mas quando aceitamos a situação
    começamos a prender mais sobre os mistérios de Deus.
    Eu não sei quanto tempo vou aguentar fazer minhas visitas mesmo
    levando cola infelizmente muitas pessoas deixaram
    de me visitar por esse motivo mesmo sabendo do
    difícil momento ,que estou passando.
    Para complicar minha situação
    minhas vistas estão me deixando
    meia maluca de tanta dor.
    Meu médico já trocou inumeros colirios,
    mais glaucoma é realmente difícil
    acertar a medicação quando pressão
    dos olhos sobe muito a dor é intensa.
    Por favor procure me enteder nada esta sendo facil para mim,
    principalmente ter ,que levar a publico minha
    vida particular.
    DE madrugada quando o sono se vai estou escrevendo
    meu segundo livro no ano que vem se Deus quiser
    será publicado.
    O livro A Viagem não pretendo
    fazer mais fiz o bastante para não ter segunda edição.
    Eu pretendo sim fazer alguns exemplares em Espanhol.
    Sua amizade é muito importante ficarei feliz
    em poder continuar recebendo seu carinho.
    Fique com Deus e tenha uma semana abençoada!
    Beijos na sua alma,Evanir.
    Perdão Pelo Longo Comentário.

    ResponderEliminar
  19. Eu, que te leio, digo-te , Obrigada!
    Beijito.

    ResponderEliminar
  20. Não tem nada que agradecer. É um prazer ler textos tão bonitos. Adorei estar aqui. bjs

    ResponderEliminar
  21. A mais bela de todas as palavras enaltecida neste seu tão sublime poema!
    Mãe que gera, que sofre, alegra e cala. Ela dá a vida pelos filhos!
    Muito linda a sua Palavra.
    Beijinhos e muito obrigada pelo seu carinho.




    ResponderEliminar
  22. Quem te lê Sandra, agradece todas as tuas palavras!
    Lindo poema!
    Beijinhos
    Sónia

    ResponderEliminar
  23. Olá Sandra, não basta que existam palavras, tem que se saber como as aplicar e aqui demonstras de forma sublime que o fazes muito bem!
    Parabéns!
    bj

    ResponderEliminar
  24. Palavras bem escritas valem muito.Lindo!
    Obrigada pela visita e carinho
    beijos

    ResponderEliminar
  25. Suas palavras embaralham em sentimentos nos fazendo sentir a essência do teu sentir...letras que se transformam em belas poesias....

    Amei ,,lindo .....

    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Palavras que demonstram sentimentos...acolhem,,,ferem,,,e quando silenciam,,,a gente quer gritar de amor....beijos amiga e uma bela noite pra ti...

    ResponderEliminar
  27. Palavras com força e com vida .
    Palavras com perguntas e com sonhos
    vida nossa de cada dia feita de palavras num berço de amor.

    ResponderEliminar

"A poesia é o sentimento que sobra ao coração e sai pela mão."
(Carmen Conde)