Sou

A minha foto
Portalegre, Portugal
"Sonho que sou alguém cá neste mundo... Aquela de saber vasto e profundo, Aos pés de quem a Terra anda curvada! E quando mais no céu eu vou sonhando, E quanto mais no alto ando voando, Acordo do meu sonho...E não sou nada!..." Florbela Espanca

segunda-feira, 21 de março de 2011

Porque escrevo?

Foto de Fernando Batista
http://www.fbatistaphoto.smugmug.com/
http://olhares.aeiou.pt/febat




Escrevo para expurgar fantasmas
Para matar o medo
e rasgar a dor.

Escrevo para esventrar a saudade
Dissecar o desejo
e enaltecer o amor.

Escrevo para renovar sonhos
Acordar a esperança
e quebrar a solidão.


Escrevo para me depurar
Para acalmar a alma
e pintá-la de novas cores.

Escrevo por mim e para ti!

39 comentários:

  1. Sandra, escreves para nos acalentares a alma...
    É sempre muito bom ler-te.

    beijinhos, muitos
    OA.S

    ResponderEliminar
  2. escreves porque és leve com as palavras,

    beijo

    ResponderEliminar
  3. E que gratificante é escrever! E lê-la também. Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Escrevo porque sou
    a lágrima do verso
    que o inverso
    da palavra
    chorou.

    Beijos, Sandra.

    ResponderEliminar
  5. Lindíssimo e escrever nos faz muito bem.Adoro te ler!beijos,linda semana,chica e ótima primavera por aí!

    ResponderEliminar
  6. Faço minhas as tuas palavras, Sandra.

    Também gosto de apaziguar a alma com meus escritos, que aliás, não chegam nem aos pés da grandeza dos teus.

    bjs e ótima semana.

    ResponderEliminar
  7. Escrever é uma excelente forma de libertação!

    ResponderEliminar
  8. Pergunta difícil essa!!!

    Mas se não o fizesses...Não te perdoaria:)

    ResponderEliminar
  9. Ainda bem que gostou :)

    Bons motivos para escrever, esses. Beijinho *

    ResponderEliminar
  10. Como uma das destinatárias da tua escrita,agradeço-te!
    Um grande bj querida amiga

    ResponderEliminar
  11. Pelo que acabei de ler, eu acredito mesmo que escreves também por mim e para mim... Basicamente escrevo pelas mesmas razões. Fundamentalmente por que as palavras que me nascem tem de sair de um jeito ou outro. Mesmo que não existam ouvintes... quem sabe então algum solitário possa se dar ao trabalho de ler.

    ResponderEliminar
  12. Sandra, escreva sempre!
    Tua escrita é arco íris em nós.

    Beijo linda.
    Fernanda

    ResponderEliminar
  13. Lindo, tbm escrevo para aliviar e para ajudar a mim e aos outros.
    (...)

    ResponderEliminar
  14. escrever é nossa terapia Eu amo ler teus escritos.
    beijos achocolatados

    ResponderEliminar
  15. Escreves para trazer sorrisos pra mim!!!

    Acho que eu escrevo para entender um pouco do que há dentro de mim, rs...

    Beijos

    ResponderEliminar
  16. Oi,Sandra. Você sempre muito feliz no que escreve. Escrever é isso mesmo. Gosto do seu estilo. Beijão

    ResponderEliminar
  17. é tudo pelo prazer e amargura.
    pelo sentir , e pelo não sentir.
    pela dor e pelo riso...

    a vida nos dá , motivos bons prá escrever...!

    um beijo!

    ResponderEliminar
  18. Sandra, minha querida,

    Escrever é escrever-se, com todas as faces, nossas e dos outros.
    Gosto de ler-te, sempre!
    Bjs e linda semana

    ResponderEliminar
  19. E escreves belos poemas, que nos encanta a todos.
    Bjux

    ResponderEliminar
  20. Escreves de linda manera que deixas a alma nas letras que asim de belas e claras se senten al leer... belo amiga parabens

    saludos
    otima semana
    abracos

    ResponderEliminar
  21. Escrever é desabafar,,,contar pro mundo sentimentos,,,explicar o inexplicavel...falar de coisas que sonhamos...é a mais pura expressão da alma...grande beijo de bom dia...

    ResponderEliminar
  22. Escrevo pra não me sentr sozinha, povooar meus dias de palavras fazem do auto-conhecimento a minha maior companhia...escrevo pra me aproximar de mim e tb do outro....

    "(...)Quando não escrevo, meu universo se reduz; sinto-me numa prisão. Perco minha chama, minhas cores. Escrever deve ser uma necessidade, como o mar precisa das tempestades – é a isto que eu chamo de respirar"

    - Anais Nin

    Bjos querida

    Erikah

    ResponderEliminar
  23. Escrevo pra gravar com palavras, os sons do meu coração...

    Beijos querida.

    ResponderEliminar
  24. Querida você tanto escreve tudo que lhe vai na Alma.
    E expressa seus sentimentos como poucos tem o dom de espressar.
    Um beijo carinhoso,linda tarde beijos fica com Deus,Evanir.
    http://aviagem1.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  25. Olá moça linda, passei para te deixar um beijo.

    Fernanda

    ResponderEliminar
  26. SAndra



    Que a Primavera nos faça...SORRIR...




    PRIMAVERA



    Amor...
    Florir...
    Sorrir...
    E...


    Na Primavera...
    As flores...
    Florescem...
    Sorriem...
    E...


    Cativam o Amor...
    E nós...
    Deixamo-nos
    Embalar...


    E continuamos...
    A Amar!...

    Lili laranjo

    ResponderEliminar
  27. Escrevemos para libertar as palavras aprisionadas nos sentires.
    beijinho, Sandra! :)*

    ResponderEliminar
  28. Escrevo para dizer ao Vento como sinto...
    Dançar um tango caliente ou simplesmente ouvir o som profundo do violino....
    Obrigada pela visita...Espero que voltes mais vezes...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  29. Escrever é uma alegria misturada com uma tristeza sem fim...

    Lindo poema!

    ResponderEliminar
  30. Olá Sandra!
    criar poesia é mais forte que todas as razões.
    catarse? estimulante da vida? inevitabilidade que não se controla? Seja o que for a poesia desde que seja vibrante vale sempre a pena...pelo menos do lado do artista...do lado do público há gostos para tudo. Bela naiveté...
    Beijinho,

    Véu de Maya

    ResponderEliminar
  31. parafraseando cazuza: eu escrevo pra me fazer de besta rsrs

    ResponderEliminar
  32. Olá bom dia!!

    Passando para deixar um beijo e desejar um ótimo dia!!

    Flar que adorei o texto é pouco!

    Beijo


    Nos encontramos no Alma!

    ResponderEliminar
  33. Um belissimo dia pra ti minha amiga querida,,,beijos e beijos.

    ResponderEliminar
  34. Oi, Sandra!
    A poesia é um altar enigmático, onde a liberdade é absoluta... e comentários não passam de expressões de sabor e gosto poético...O crítico, salvo raras excepções, é um criador falhado. Não pretendo criticar poesia...apenas apreciá-la, dentro das categorias estéticas do gosto que são as mais intangíveis e incomunicáveis...
    Naiveté é o feminino de naïf...a doçura de alguns termos em francês, que não têm correpondência literal, em Português.
    Ao ler o teu poema, quis falar da sua pureza tão sincera e inocente...por isso lhe chamei uma bela naiveté...a virtude de algo que na fonte é naïf e lindamente genuíno. Obrigado pelos teus comentários carinhosos.

    beijinho,

    Véu de Maya

    ResponderEliminar
  35. Querida amiga..
    Um dia lindo para você beijos no coração,Evanir.

    http://aviagem1.blogspot.com/
    www.fonte-amor.zip.net

    ResponderEliminar
  36. Obrigado por também escreveres para mim.

    E obrigado por essa agradável sensação de pequenez que as tuas palavras me causam engasgando as minhas que humildemente acabam por preferi o recato do silêncio...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  37. Escrever é libertar a alma de um grito que nos apresiona...

    Bjs!

    ResponderEliminar

"A poesia é o sentimento que sobra ao coração e sai pela mão."
(Carmen Conde)