Sou

A minha foto
Portalegre, Portugal
"Sonho que sou alguém cá neste mundo... Aquela de saber vasto e profundo, Aos pés de quem a Terra anda curvada! E quando mais no céu eu vou sonhando, E quanto mais no alto ando voando, Acordo do meu sonho...E não sou nada!..." Florbela Espanca

sexta-feira, 18 de março de 2011

Sob a noite

Foto de Leninhaf
http://olhares.aeiou.pt/leninhafig
http://leninhaf1.reflexosonline.com/


Guardo sob a noite, suas lembranças.
Doces, e tanto,
que me afloram, sonhos, amores,
entre noites...



As estrelas são testemunhas
desta recordação que me invade.
Pois minhas lágrimas atingem-nas
emprestando brilho à luz que delas emana.
E assim permaneço...
Num doce embalo de suspiros
a que só posso chamar saudade.



Pudesse ora, fugir.
Mas tua imagem é forte,
perturba-me, roda sobre a cabeça.
Nem que precise rasgar o tempo,
e fazê-lo retroceder
Apenas para lhe dar um beijo,
Num ensolarado entardecer...




Sandra Subtil e Helio Rocca

27 comentários:

  1. Primeira parceria poética :)
    Agradeço o convite vindo do outro lado do oceano.Para mim foi uma honra alguém me considerar uma boa parceira de escrita.
    Obrigada Hélio!

    ResponderEliminar
  2. Sandra moça linda, está pleno.
    Parabéns menina.
    Sabe? Teu poema me emocionou.

    Beijo.
    Fernanda

    ResponderEliminar
  3. Obrigado Sandra por me ajudar a construir tão belo poema. Abraço fraterno, Helio Rocca.

    ResponderEliminar
  4. Que maravilhoso poema.Parabéns, Inspiração sempre à todo vapor!um beijo,lindo fds,chica

    ResponderEliminar
  5. "CHAMO ISSO DE GLOBALIZAÇÃO POÉTICA"

    Parabéns aos dois... Querida Sandra e o Moço Helio... !!

    Deusssssssssskiajude
    Tatto

    ResponderEliminar
  6. Nem que precise rasgar o tempo,
    e fazê-lo retroceder
    Apenas para lhe dar um beijo,
    Num ensolarado entardecer..

    Que maravilha de poema, fora possivel e também eu rasgaria o tempo...

    Parabéns aos dois!!!

    beijos
    OA.S

    ResponderEliminar
  7. mais um final de semana chegando. Que seja de paz e amor...
    Maurizio

    ResponderEliminar
  8. Não poeta
    Não lhe chames saudade
    Esquece a fuga
    Rasga o tempo
    Nesse momento
    dá-lhe o beijo
    e chama a isso desejo
    Mesmo que não ensolarado
    seja o entardecer

    ResponderEliminar
  9. A saudade é o amor que fica, ainda que tudo mais já tenha partido.

    Belíssimo!


    Beijos pra Ti

    ResponderEliminar
  10. Puxa... e deu muito certo a parceria. Gostei demais,Sandra.. Lindo, lindo. Parabéns. Beijos

    ResponderEliminar
  11. Sob a noite, a lua e as palavras tornam-se únicas...

    Lindo!!!

    Beijos

    ResponderEliminar
  12. Oi, Sandra!

    Parceria poética! um arrojado experimento!!!...por que não num livro de poesias!!

    beijinho,

    Véu de Maya

    ResponderEliminar
  13. Veia poética de dimensão global! Apreciei o estilo...

    ResponderEliminar
  14. muito bom. que haja mais parcerias, então. abraços

    ResponderEliminar
  15. Oi Sandra, bom dia linda...

    Mas tua imagem é forte...

    Se uma já era maravilhoso ler, dois eu nem sei o que vai ser...

    Adoro!!!!


    Beijos


    Ani

    ResponderEliminar
  16. Lindo poema.Bom voltar no tempo para um beijo num entardecer.

    Parabéns pela parceria.

    Bjs

    ResponderEliminar
  17. BOA NOITE sANDRA E MUITÍSSIMO PRAZER EM CONHECÊ-LA COLEGA!!
    A GENTE PRECISA NUNCA PERDER A CAPACIDADE DE INDIGNAÇÃO. OBRIGADA PELO APOIO!!!
    TÔ AQUI AGORA TE SEGUINDO E ESTEJA CONVIDADA A ME SEGUIR NO "AMOR ACORDADO". TEMOS MUITAS COISAS EM COMUM MESMO E VOCÊ ESCREVE MUITO BEM.
    LINDO BLOG!! PARABÉNS,
    CARLA FERNANDA

    ResponderEliminar
  18. Belissima inspiração para falar/cantar um amor lindo cativo de cumplicidade. O amor cria estas palavras magicas que bater fundo no coração.Amei.Meu abraço.

    ResponderEliminar
  19. Gostei do resultado da parceria. O poema ficou bonito.
    Querida amiga Sandra, tem um bom Domingo e uma boa semana.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  20. Sob as noites tantos misterios,,,tantos sonhos,,,ganhos e perdidos,,,tantos desejos e ilusões,,tantos lindos versos de amor...beijos de bom domingo e uma bela semana pra ti querida.

    ResponderEliminar
  21. As noites são sempre repletas de ondas calmas e disperasas,
    trazem vento e vendaval
    trazem uma luz, um escuro por dentro do peito...

    lembranças que não naufragam..
    beijos, Sandra.

    ResponderEliminar
  22. Sua poesia é daquelas que deixam um gostinho de quero mais no coração da gente. Bjs querida, Feliz Dia do Blogueiro pra vc.

    ResponderEliminar
  23. Minha querida

    Não tenho palavras para comentar este poema tão belo...sinto apenas e deixo um beijinho.

    Sonhadora

    ResponderEliminar
  24. a noite crepuscular escorre o seu veneno sobre os bolsos onde guardei as estrelas.
    um abraço a ambos os poetas!

    ResponderEliminar
  25. Estive a espera da noite para te ler. Gosto de detalhes:)

    O poema resultou bem. Vê-se nele a tua marca. Do co autor nada poderei dizer:)

    Eis uma coisa que eu acho nunca seria capaz. Por incapacidade minha.

    Mas como gosto de experimentar...Um dia faço.te um convite:)

    ResponderEliminar

"A poesia é o sentimento que sobra ao coração e sai pela mão."
(Carmen Conde)